Facebook quer ser o melhor amigo do jornalismo?

Padrão

Em texto assinado por Fidji Simo, diretora da produto, o Facebook anunciou o projeto “Facebook para o Jornalismo”. “Sabemos que nossa comunidade valoriza compartilhar e discutir ideias e notícias”, escreve Fidji. “Como parte do nosso serviço, nos importamos muito em assegurar que um ecossistema saudável de notícias e o jornalismo possam se desenvolver”.

De acordo com o comunicado, o objetivo do projeto é “estabelecer laços mais fortes entre o Facebook e a indústria jornalística”. Diz ainda uma das intenções também é “ajudar as pessoas a se tornarem leitores informados na era digital”. A iniciativa surge na sequência de críticas ao Facebook por causa de notícias falsas que teriam influenciado nas eleições dos Estados Unidos.

E chega com atraso. Não é de hoje que o Facebook tenta ser relevante para o jornalismo, uma posição que o Twitter ainda mantém. E a ex-rede social (sim, não é mais uma rede social) de Mark Zuckerberg busca uma aproximação com veículos jornalísticos, ao mesmo tempo em que concorre com eles na busca por anunciantes. E usa conteúdo produzido pelos veículos para ganhar relevância.

Apesar de veículos como El País anunciarem participação no projeto, não acredito que a iniciativa possa reverter o quadro atual. Notícias falsas continuarão sendo publicadas e os veículos seguirão usando o Facebook sem perceber que estão sendo usados…e até negligenciando seus canais próprios.

Muito pessimista?

Saiba mais sobre o Projeto Facebook para Jornalismo.

Você tem alguma informação ou comentário para acrescentar a este conteúdo?