Blogueiro é preso por difamar advogado de Luxemburgo e Joaquim Grava

Link

“O blogueiro e jornalista Paulo Cezar de Andrade Prado, conhecido como Paulinho, foi preso na tarde desta segunda-feira, em São Paulo, por difamação contra Antonio Carlos Sandoval Catta Preta, advogado do técnico Vanderlei Luxemburgo e do médico Joaquim Grava”.

Leia o conteúdo completo no Terra.

Veja o Blog do Paulinho.

Um comentário sobre “Blogueiro é preso por difamar advogado de Luxemburgo e Joaquim Grava

  1. Marcio Prado

    Qualquer jornalista pode ver a falta de apuração da notícia, divulgadas em alguns portais, sobre a prisão do Paulinho.
    Paulinho foi processado por Catta-Preta por uma opinião sobre a competência deste advogado.
    Ironizou em dizendo que, como advogado era melhor halterocopista pois em sua opinião era mal profissional. O Juiz, que teria recebido um abraço do advogado antes do julgamento, enxergou e absurdamente “transmutou” a opinião do profissional em difamação. Daí, seguiram-se outros absurdos, não apurados pelos jornalistas como: Paulinho não está condenado a 15 meses de prisão, mas sim a 5 meses por essa decisão do juiz. Outra situação estranha: em regime semi-aberto, porém está trancafiado em regime fechado. O próprio delegado do DP da Vila Carrão disse não compreender como essa prisão pode ter ocorrido se ele não deveria estar trancado. Paulinho é jornalista investigativo não apenas dos bastidores esportivos, mas dos bastidores da política, judiciário (onde vários desembargadores são investigados por ele pela estreita relação com os clubes) e também os bastidores da imprensa, no qual denuncia relações antiprofissionais e enti éticas de profissionais de imprensa (será por isso que jornalistas estão calados, omissos??) O jornalismo que vibra contra o jornalismo é o mesmo jornalismo que será vítima amanhã do poder que estão dando àqueles que deveriam ser contidos pela revelação da verdade. Paulinho vai sair dessa, e continuará a fazer o que muitos não fazem, jornalismo de verdade, mesmo que haja alguns excessos, porque não é fácil eufemizar palavras como bandido, corrupto, canalha…a não ser para jornalistas que não sintam indignação com as mazelas e falcatruas que veem….sabe-se lá por qual motivação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *