Do Meio & Mensagem: Para incrementar receita, Abril adota paywall

Link

Maior pluralidade e diversificação de serviços. Essas foram as metas que nortearam as ações do Grupo Abril em 2016, com investimentos em branded content, big data, clubes de assinatura e serviços de assistência pessoal. Este ano, a empresa segue na busca por novas fontes de receita e, em março, implementará o paywall aos sites de suas revistas.  Ainda sem valor definido, a cobrança será feita por título. Deverá começar por Superinteressante ou Quatro Rodas, ainda a ser confirmado. Não assinantes terão acesso de 10 a 15 conteúdos online gratuitos, em um modelo similar a veículos como Folha de S.Paulo e Estadão.

Isabel Amorim, nova diretora de mercado do grupo, diz que seguem uma tendência global e que o grupo tenta monetizar sua audiência. Além do limite de acessos, o grupo vai investir na comercialização de newsletters e aplicativos pagos.

Leia a reportagem completa no Meio & Mensagem.