Urgente. Urgente?

Padrão

Será que todas as notícias que estão sendo compartilhadas nas redes sociais com selo de “urgente” são mesmo urgentes? Dizem “urgente” querendo dizer “breaking news”?

Estou começando minha coleção. Aceito contribuições.

IMG_20160525_224011

IMG_20160525_224005

IMG_20160525_223959

IMG_20160526_230606

IMG_20160525_224015

13318922_10209458718454229_1921413029_n

IMG_20160607_132515

IMG_20160630_193106

Atualizado em 3 de junho, às 21h:

O jornal Município Dia a Dia, de Brusque (SC), não usa o selo de “urgente” nas chamadas para notícias sem imagem, mas com relevância. A opção foi adotar o “última hora”. Seria essa uma boa tradução para o “breaking news”, melhor que urgente?

IMG_20160603_214230

Atualizado em 30 de junho, às 20h:

O Globo inova e lança o “urgente personalizado”.

 

 

O dia em que um rio passou na vida do Twitter

Padrão

Foi em 15 de janeiro de 2009 que @jkrums fez história ao publicar no Twitter a foto do acidente com o avião da US Airways que havia acabado de “pousar” no Rio Hudson, em Nova York. “There’s a plane in the Hudson. I’m on the ferry going to pick up the people. Crazy”, escreveu @jkrums no tweet que é considerado pelo próprio Twitter como um dos momentos mais importantes da história do site. “É a primeira da cena, dando as más notícias antes mesmo que a mídia tradicional soubesse”, destaca o site.

Continue lendo